Autismo, mundo singular?

Não se aprende na faculdade.

Não se vê na aparência.

Não se entende desmembrando “partes”, é preciso olhar o todo.

Não se sabe ao nascer.

Não se sabe se ainda estará lá ao morrer.

Não se define em uma só pessoa.

Não se explica em centenas de milhares de estudos.

Não é “culpa” de um só gene ou de um só fator ambiental.

Não é mais algo raro.

Não escolhe cor, raça, crença ou classe social.

Não é simples de decifrar.

Não está sendo bem cuidado no nosso país.

É intrigante.

É único para cada família.

É tratável com reversão de comorbidades.

É presente nas escolas, nas igrejas, no ambiente de trabalho, mas…

É ignorado por muitos.

É a mente necessária à sociedade com seu foco e precisão.

É jornada para os pais.

É renúncia para os irmãos.

É lição que só se aprende convivendo.

É um mundo paralelo, só que não está fora do mundo real.

É divisor de águas.

É plural.

AutismoS!

10410099_861223160616134_7956711776322707081_n

Anúncios

About Evellyn Diniz

2018! Blog em reforma! Em breve novidades! Estou voltando com os textos hoje.

One response »

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s